Formadora Marta Ornelas

Registo: CCPFC/ACC-100253/18, Nº de horas acreditadas: 15,
Modalidade: Curso de Formação, Destinado a: Educadores de Infância e Professores dos 1º e 2º Ciclos do Ensino Básico

Preço : Associados da APECV com as quotas em dia : 30 Euros-   Não associados : 50 euros - Desempregados: 30 Euros

 

A ilustração infanto-juvenil assume hoje um importante lugar como área artística. A variedade de produção editorial a que assistimos na contemporaneidade denota um campo artístico vasto e com características muito diversificadas, quer no conteúdo/mensagem, quer nas técnicas utilizadas. A ilustração pode ainda constituir-se como processo de conhecimento, através da investigação visual e da experimentação. Em sala de aula, o trabalho de ilustração contribui para uma aprendizagem diversificada e motivadora, potenciando a participação dos alunos e a construção de conhecimento dotado de significado.

 

Este curso pretende promover a exploração de técnicas artísticas experimentais para a produção de ilustrações de conceitos e histórias. Trata-se de ajudar os professores a constituir um manancial de referências e experimentação artística que lhes permita trabalhar em sala de aula de forma inovadora.

— Motivar os educadores e professores a integrarem processos de ilustração em projetos educativos transversais a diversas disciplinas. 
— Explorar uma variedade de técnicas que utilizam a ilustração como processo de aprendizagem, descoberta, questionamento e partilha. 
— Estudar tendências e evoluções no campo da ilustração contemporânea, permitindo uma integração adaptável a diversos níveis de disciplinas.

Objetivos: 

- a ilustração infanto-juvenil contemporânea (1h)
- experimentação de técnicas de ilustração (6h)
- criação de um trabalho de ilustração colaborativo (3h)
- apresentação de resultados (2h)

Tipologia

Sessões teóricas (3h): a primeira de introdução; a segunda para reflectir sobre o processo e a última para avaliar os resultados.
Sessões práticas de trabalho individual e em grupo (9h): técnicas de ilustração, na qual cada formando realizará o seu trabalho experimentação, individualmente e em grupo.

 

Avaliação

Relatório final individual, participação e trabalhos realizados durante o curso. De acordo com o regulamento interno do CFANAPECV do sistema de avaliação dos formandos docentes, a escala é de 1 a 10. Os parâmetros de avaliação são os seguintes: 1) assiduidade; 2) trabalho realizado; 3) participação; 4) relatório individual.

 

Sobre a formadora: Marta Ornelas é Doutorada em Educação Artística pela Universidade de Barcelona. Mestre em Museologia e Património pela Universidade Nova de Lisboa. Licenciada em Design de Comunicação pela Faculdade de Belas Artes de Lisboa. Professora no ensino básico, secundário e superior. Formadora de professores. Dinamizadora de workshops artísticos em escolas. Profissionalizada em serviço docente pela Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Lisboa. Investigadora em Educação Artística.

LINK PARA O FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO: